Pesquisa
sexta-feira 18 outubro 2019
  • :
  • :

Com apoio da FJM, secretária LGBT Socialista vai a Rio Branco lançar cartilha para gestores e legisladores

A secretária Nacional do Segmento Lgbt Socialista, Tathiane Araújo, esteve no Acre, nos últimos dias 24 e 25 de setembro, seguindo a agenda de apresentação da cartilha LGBT para Gestoras/es e Legisladoras/es. O material reúne fatos históricos, datas importantes, direitos alcançados e outros que ainda precisam ser conquistados.

Na sede do PSB estadual, na cidade de Rio Branco, a cartilha foi entregue ao Presidente Estadual do Partido César Messias. A prefeita socialista da capital do Acre, Socorro Neri, também recebeu membros da comunidade LGBT socialista e foi apresentada ao conteúdo da cartilha.

Durante as visitas os integrantes do movimento LGBT apresentam exemplos exitosos de prefeituras com gestões socialistas de todo o Brasil, como as do Município Pernambucano de Recife, e o Paraibano João Pessoa. A Sociedade Civil organizada LGBT local esteve presente na pessoa de Antonela Albuquerque, que falou na importância da criação do ambulatório para pessoas trans na Cidade do Rio Branco. Rubi Rodrigues, que atualmente é servidora do Ministério Público do Acre, parabenizou a importância da atuação do Partido Socialista Brasileiro e da Fundação Joao Mangabeira para a comunidade LGBT.

Na Assembleia Legislativa do Estado do Acre, no Gabinete do Deputado Estadual Manoel Moraes, Tathiane Araújo entregou a cartilha para o parlamentar, que foi solícito e se disse comprometido a entender sobre os anseios da comunidade LGBT e quando necessário defendê-los e apoiá-los dentro daquela casa legislativa.

A cartilha foi lançada oficialmente no Acre na noite do dia 24, na sede do Diretório Estadual do PSB do Acre. O Evento contou com a participação de militantes filiados no estado do Acre e com o Coordenador Estadual da Fundação João Mangabeira do Estado do ACRE, Gabriel Maia.

Na manhã, da quarta-feira, dia 25 de setembro, os filiados do segmento LGBT Socialista do Estado do Acre se reuniram para a construção das estratégias que o Segmento usará no estado, garantindo que a cartilha seja o instrumento norteador para as gestões e as legislaturas dos mandatos eletivos socialistas no estado do Acre. Estavam na formação membros LGBT dos Municípios Brasileia, Xapuri e Capixaba, além da capital Rio Branco foi discutido e aprovado um cronograma com metas para os próximos meses na perspectiva de levar a cartilha para o maior número de mandatários possíveis em todo o estado.

A cartilha voltada a Gestores/as e Legisladores/as do Partido Socialista Brasileiro já foi lançada no Distrito Federal e nos estados de São Paulo, Pará, Pernambuco, Sergipe e Acre. Tanto a publicação da cartilha, quanto os seus eventos de lançamento têm contado com o apoio da Fundação João Mangabeira(FJM).

Com informações do portal LGBT Socialista

Compartilhe!



Acessibilidade