Pesquisa
domingo 23 setembro 2018
  • :
  • :

A Fundação João Mangabeira lança, hoje, na Bahia, o Boletim de Conjuntura Brasil Nº 6, cuja a capa traz o título Socialismo Criativo

O evento acontece na Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), na Avenida Luís Viana Filho, Nº 8812, paralela, às 18:30 horas e contará com a presença de Carlos Siqueirapresidente nacional do o PSB, com palestras de Paulo Miguezvice reitor da UFBA e Francesco Farruggia, presidente da Campus Party.

Além de uma apresentação de Renato Casagrande Presidente da FJM – Fundação João Mangabeira, o boletim traz uma nota histórica de Paulo Miguez e textos de Domingos Leonelli. Um dos seus textos é exatamente “Porque do Socialismo Criativoque parte do princípio que o desenvolvimento das forças produtivas e das relações de produção em qualquer variante teórica, tem na tecnologia um ponto de inflexão. Por outro ladose nos últimos anos o capitalismo demonstrou sua criatividade traduzida em produtos de valor universalexportando cultura e,até mesmo, modos de vida, o socialismosupostamente seu sucedâneo histórico, precisará demonstrar o seu potencial criativo, ou quedará vencido como o socialismo soviético que se revelou incapaz de criar marcas e produtos aptos a disputar com os produtos do capitalismo.

Em outras palavras o capitalismo moderno só será efetivamente superado por um socialismo criativo.

Mais a ideia do socialismo criativo não incluiapenas a economia criativa, mas a inovação no seu sentido mais amplo, a sustentabilidadeambiental, o empreendedorismo, a participação democrática, e principalmente, novas formas e metodologia de organização social e política.

Se a criatividade capitalista tem como objetivos principais a ampliação do mercado e do lucro, a criatividade socialista deve ter como objetivo a ampliação de espaços de na sociedade e o bem-estar das pessoas.

E a agenda dos partidos políticos socialistas que lutam pelo socialismo democrático no mundo, precisa incorporar a inovação e a economia criativa como estratégia de desenvolvimento social econômico e político.

O socialismo criativo deve se constituir na dimensão social e humana do desenvolvimento das forças produtivas e da revolução tecnológica.

Compartilhe!



Acessibilidade